Blog

Não sabe por onde começar sua reforma?

ocê pretende fazer uma reforma em sua casa, mas não sabe por onde começar e nem o que priorizar? Aqui vão algumas dicas importantes. – Planeje sua reforma e gastos – Contratar um projeto pode salvar sua obra e seu bolso! No papel, todos os itens devem estar especificados, desde o modelo das luminárias até a quantidade, tipo e paginação dos pisos. Com isso definido em papel, você poderá orçar os preços mais eficientemente e economizar na hora de contratar, pois terá garantido que o orçamento está sendo feito a partir de uma ideia definida. O tempo de projeto é proporcional ao tamanho da obra e leva, no mínimo, um mês e meio para ser concluído com qualidade. Colocar tudo no papel antes de começar a contratar e gastar com a obra lhe dará uma ótima noção de tudo e evitará surpresas desagradáveis, como decidir um revestimento ou modelo de torneira enquanto o prestador espera parado na obra ,por exemplo. – Procure os profissionais com antecedência – O planejamento e o projeto exigem um tempo de desenvolvimento e devem entrar no planejamento do prazo da obra. Além disso, atenção ao contratar, procure sempre empresas capacitadas. O faz-tudo, em geral, não é a melhor opção, pois não é especializado. Pesquise em empresas conceituadas ou solicite recomendações de amigos que já contrataram algum serviço com tal empresa. – Pesquise preços de materiais antes do início da obra – Faça isso especialmente com os materiais de acabamento e leve em consideração que vai gastar, em média, a mesma quantia com mão de obra. – O cronograma – A empresa contratada geralmente oferece um cronograma de serviço. Uma obra simples tem sempre uma logística dos serviços a serem realizados: começa pela demolição, depois com as alterações elétricas, projeto de iluminação, forro ou gesso, regularização ou assentamento do piso e marmoraria, instalação das luminárias, pintura, marcenaria, finalização dos acabamentos e encerra pelos retoques de pintura ou instalações de papel de parede. – Fique atento às adversidades – Mesmo tendo em mãos o cronograma, é muito difícil estabelecer prazos fixos para o término da obra quando falamos em reforma. A empresa certamente irá fornecer uma data para término porém leve sempre em consideração que adversidades podem ocorrer. – Transtornos fazem parte da reforma – Se você pretende reformar sem desocupar o imóvel é bom ter plena ciência de que morar numa obra tem muitos inconvenientes, como pessoas o tempo todo circulando pelo imóvel, poeira e o impedimento de circulação em alguns cômodos da casa. – Reparos de infraestrutura – Os reparos com infraestrutura como alvenaria, hidráulica, colocação de gesso etc. ou qualquer outro serviço que gere algum tipo de sujeira deve ser feito no início da obra. Os trabalhos com acabamento como pintura, laqueação de móveis, colocação de pisos de madeira ou decoração ficam por último. Quando a empresa que você contrata leva sua experiência de reforma a sério, ela irá manter a obra organizada, pois obra limpa é obra segura. Organize também o espaço para guardar o material para evitar desperdício.

0 Comments

Leave Reply